Chrome OS substituirá o Android nos tablets?

O novo modo de tela dividida para tablets, e recursos de captura de tela emprestado do Android está dando sinais.

última atualização do Google Chrome , versão 64, está agora a caminho dos Chromebooks com uma série de recursos com base em tablets. Incluem um novo recurso de tela dividida para multitarefa e um recurso de captura de tela emprestado do Android. Embora essas sejam atualizações padrão, elas pintam uma imagem do futuro do Chrome OS como a substituição legítima do software dos tablets com Android. O Chrome OS está muito perto de assumir o lugar, e recursos como este empurram cada vez mais para perto de se tornar o sistema operacional híbrido para todos os tipos de hardwares de tela com o Google.

Isso tem funcionado há bastante tempo, já que as equipes do Google e do Google Chrome se coordenaram de perto para garantir o influxo de dispositivos de computação híbridos de baixo custo, como os Chromebooks 2 em 1, obtendo o melhor dos dois mundos. Claro, a compatibilidade de aplicativos para Android no Chrome OS, uma iniciativa que chegou pela primeira vez um pouco meio cozida no ano passado e levaram meses para agradar completamente quando o Google solucionou as falhas. Por exemplo, mês passado, o Google adicionou a capacidade de aplicativos Android nos Chromebooks serem executados em segundo plano. Em julho do ano passado, o Google também começou a embarcar em um redesenho focado no toque do sistema operacional Chrome para tornar o software mais funcional no tablet.

MISTURA PERFEITA

É provável que não tenhamos a fusão completa das duas divisões e suas respectivas plataformas em breve, já que o Google jogou com a idéia por anos sem nunca parecer decidir que uma plataforma deve substituir a outra. Em essência, no entanto, o Android continua a ser o SO móvel dominante do Google, enquanto o Chrome OS tem assumido mais responsabilidade, já que os Chromebooks se tornaram cada vez mais capazes e semelhantes a tablets.

Mas este maravilhoso futuro de uma mistura perfeita de sistemas operacionais de celular, tablet e PC em um pacote de hardware ainda está frustrantemente fora do alcance. Os recursos como a tela dividida no modo tablet são ótimos e a ausência desse recurso foi uma das principais críticas do novo Pixelbook 2-em-1 que chegou em outubro.

Ainda assim, é claro que a visão que o Google tem aqui é para tablets, 2-em-1 e laptops padrão do Chromebook para se tornar uma categoria de dispositivo unificada alimentada pelo sistema operacional Chrome.  Uma imagem, divulgada na exposição de tecnologia e educação em Londres, significa que podemos obter um Google ou mesmo um tablet Chrome OS de marca Pixel no futuro próximo, que talvez seja revelado na Google I / O em maio. Isso só solidificaria ainda mais as ambições da empresa de ter o poder do Chrome em todas as classes de dispositivos além do smartphone.

 

FONTE: THE VERGE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com