Em meio ao período de pandemia e isolamento social as empresas de pequeno porte enfrentam uma série de problemas. Com todo o ocorrido, vários serviços foram prejudicados, já que não há circulação de mercadorias e capital. Porém, a falência de algumas empresas não são uma novidade, o que se deve ao fato também da má gestão dos negócios.

Tendo em vista, a Certus Software criou uma plataforma capaz de gerir uma empresa, beneficiando todo o processo. Fundada em 2013, a Certus Software desenvolveu essa ferramenta de gestão para auxiliar pequenas indústrias, desde o processo de compras, recebimento de matéria-prima, toda a parte de vendas e emissão de notas fiscais, contas a receber e a pagar, fluxo de caixa, demonstrativo de resultados,  estoque e gestão de produção.

Má gestão dos recursos

Conforme dados do Sebrae, 71% dos gestores não tem conhecimento sobre os custos operacionais, nem compreendem as informações primordiais para o crescimento substancial da empresa, prejudicando-os. Além disso, os microempresários brasileiros possuem qualidade técnica, mas em compensação não sabem gerir as empresas como deveriam.

Em contrapartida, baseando-se na redução da falência dessas empresas, a Certus em parceria com o Sebrae, estudou minuciosamente os problemas destas empresas durante a crise, as pequenas empresas necessitam de auxílio financeiro. Entretanto, conforme as empresas precisem de apoio, elas buscam bancos e esses se aproveitam das altas taxa de juros com empréstimos e financiamento.

Parceria para salvar empresas da falência

“Fizemos parcerias com diversos fundos de investimentos e oferecemos a antecipação de recebíveis e empréstimos para capital de giro dentro da plataforma. Então se há um título a vencer que foi parcelado, é possível receber esse título à vista, tudo isso com taxas muito menores do que o banco. Com os dados dessa gestão disponíveis, a IA consegue fazer uma análise de crédito muito mais precisa e com isso a taxa diminui”, relata o CEO.

Criação de um novo banco digital

Recentemente, a Certus trabalha na criação de um banco digital, direcionado a micro empreendedores, oferecendo melhores soluções financeiras, empréstimos para aquisição de maquinário, financiamento de veículos para empresa e funcionários, empréstimos consignados para funcionários, cartão de crédito empresarial e a conta-corrente digital com baixa taxa de manutenção. O banco digital será anunciado no segundo semestre deste ano.