Especialista responde as três maiores dúvidas sobre assinaturas eletrônicas

Especialista responde as três maiores dúvidas sobre assinaturas eletrônicas

São Paulo, 30 de outubro de 2023 – Na busca pelo ganho de agilidade, organização e diminuição de custos, as assinaturas eletrônicas, ou digitais, aparecem cada vez mais como fatores essenciais para empresas e escritórios. Isso porque elas eliminam a necessidade de impressões e armazenamento físico de documentos, viabilizando assim processos mais rápidos e seguros. De ponta a ponta, da redação ao envio do documento tudo pode ser feito on-line.

Por todos esses motivos, é esperado que o mercado global de assinatura digital deva atingir US$ 20,4 bilhões até 2027, segundo pesquisa da Global Industry Analysts divulgada pela Market Research. com em dezembro de 2022. No Brasil, o cenário de assinaturas eletrônicas também vem crescendo. Exemplo disso é que, conforme dados do Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI), divulgados em setembro, essa modalidade disponibilizada pelo governo cresceu 203% em 2023.

Para explicar de forma mais aprofundada sobre quais são os benefícios dessas assinaturas, Márcio D’Avila, consultor técnico e especialista em identificação e segurança digital da CertiSign – a maior autoridade certificadora do país -, responde as três principais dúvidas sobre o tema.

1 – O que é assinatura eletrônica e quais são os seus tipos?

“De maneira bastante abrangente, a assinatura eletrônica é uma forma prática e segura de atestar um ato no meio digital”, diz o especialista. A partir da Lei nº 14.063, criada em setembro de 2020, com finalidade de proteger as informações pessoais de todos os cidadãos, as assinaturas passaram a ser classificadas em três categorias: simples, avançada e qualificada.

assinatura eletrônica simples pode ser a rubrica numa tela, um login ou o simples ato de clicar em um botão “Assinar”. Por confirmar a identidade de maneira mais simples, ela indicada para contratos e documentos de baixo risco, como a solicitação de serviços essenciais (água, luz e internet). Além desses, atas de reuniões, propostas comerciais, entre outros.

Já a assinatura eletrônica avançada é bastante comum nas empresas, segundo o especialista. Neste caso, por exemplo, ela é gerada a partir de um certificado digital emitido pela própria companhia, validando, assim, a identidade do colaborador/signatário, que pode usá-la em documentos e atos pré-estabelecidos entre as partes. “Ela também pode gerada a partir de outras tecnologias, desde que a identidade do signatário seja comprovada de maneira inequívoca.”

Por fim, a assinatura eletrônica qualificada é feita a partir do uso de um certificado digital no padrão Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil). “É o método mais seguro por conta, principalmente, do processo rigoroso de validação da identidade para a disponibilização do certificado aliado ao uso da criptografia, que protege os dados e garante a autenticidade do documento”, afirma.

Essa opção é indicada para contratos e documentos de alta criticidade, como venda e compra de móveis, prontuários médicos, laudos. Outras indicações são: notas fiscais, relatórios empresariais e operações bancárias.

2 – As assinaturas eletrônicas têm validade jurídica?

Sim, mas em contextos diferentes, segundo o especialista. “A validade jurídica da assinatura qualificada está prevista na legislação (MP 2.200-2), e, portanto, tudo o que é assinado usando um certificado digital ICP-Brasil tem validade jurídica”.

Já nos casos das assinaturas eletrônicas simples e avançada, a validade jurídica é configurada conforme as evidências colhidas no momento da formalização da transação, como a geolocalização, endereço IP do dispositivo, apresentação de documentos oficiais e, até mesmo, a assinatura manuscrita.

3 – Onde e como assinar documentos eletrônicos?

“É necessário inserir o documento em questão em um portal de assinaturas, escolher o tipo de assinatura, assinar ou indicar signatários e pronto! Hoje, existem plataformas completas que permitem a criação de fluxos de assinaturas, acompanhamento de todas as etapas em tempo real e, também, a assinatura em lote de documentos. Na hora de pesquisar a melhor opção, considere tempo de mercado da empresa que oferece o serviço e funcionalidades da plataforma”. Outra opção é assinar o documento diretamente de programas.

Sobre a CertiSign

A CertiSign é a maior Autoridade Certificadora do Brasil e especialista em identificação e segurança digital. Desde 1996, desenvolve e integra soluções para uma experiência digital simples e segura, proporcionando às pessoas mais tempo e liberdade e às empresas redução de fraudes e de custos. Ao longo dos anos, tornou-se sinônimo de inovação e confiança, emitiu mais de 15 milhões de certificados digitais e ultrapassou a marca de 2.200 pontos de venda em todos o Brasil e exterior.

Banco PAN e Toti Anunciam Iniciativa de Capacitação em Tecnologia para Imigrantes e Refugiados
The Internet Is Fascinated By This Basketball Player

The Internet Is Fascinated By This Basketball Player

Eget dolor posuere convallis vel vel nisl. Nulla sagittis efficitur ex, at sodales massa pulvinar a. Nunc quis lacinia…
13 Reasons I Can’t Stop Thinking About Thai Massage

13 Reasons I Can’t Stop Thinking About Thai Massage

Posuere convallis vel vel nisl. Nulla sagittis efficitur ex, at sodales massa pulvinar a. Nunc quis lacinia eros. Fusce…
15 Extreme Rooftoppers That Prove People Are Damn Awesome

15 Extreme Rooftoppers That Prove People Are Damn Awesome

Vel vel nisl. Nulla sagittis efficitur ex, at sodales massa pulvinar a. Nunc quis lacinia eros. Fusce ac ipsum…