A Nvidia está sendo processada processado por violação de patente de projetos de semicondutores. E não é um processo qualquer. A Nvidia usa um grande número de tecnologias em suas GPUs. Algumas das quais são desenvolvidas internamente. Outras são licenças de empresas terceirizadas. Uma dessas empresas processou a Nvidia por violações de patentes.O processo é movido por uma fornecedora de grandes conglomerados como Sony e Samsung, a Xperi.

Hoje em dia, é normal

Hoje tem se tornado comum empresas serem processadas por violar patentes. Porém, a grande maioria não chega a uma conclusão.  Geralmente, as coisas são resolvidas fora do tribunal e os negócios voltam ao normal.

Às vezes, empresas rivais acusam umas às outras as mesmas coisas, de usar patentes em seus produtos. Na maior parte, esse tipo de acusação também é resolvido fora do sistema judicial, porque ninguém quer estar no noticiário pelas razões erradas. E ter alguém acusando você de usar ilegalmente suas patentes é definitivamente um grande problema.

Troll de patentes

A indústria de tecnologia também abriga os chamados trolls de patentes. São empresas que registram patentes genéricas e depois processam todos na esperança de que alguns estejam dispostos a resolver, mesmo que não tenham feito nada errado, para evitar a publicidade.

De acordo com um relatório da TomsHardware e citando Seeking Alpha, a Nvidia está sendo processada por uma empresa chamada Xperi. Este não é um troll de patentes. Na verdade, está licenciando várias tecnologias em todo o mundo, para empresas como a Samsung e a Sony.

Além disso, hoje nós entramos com uma ação contra a NVIDIA por violação de patente. Acreditamos que a NVIDIA está usando nossa tecnologia de semicondutores em algumas de suas CPUs e processadores. Estamos conversando com a NVIDIA há vários anos sobre a obtenção de uma licença de patente. Finalmente, não conseguimos chegar a um acordo e sentimos que precisávamos tomar essa medida para defender nossos direitos de propriedade intelectual. Nós arquivamos o caso no Tribunal Federal de Delaware, declarando cinco patentes, disse o CEO da Xperi, Jon Kirchner.

Portanto, a Nvidia é processada por violação de patente de semicondutores por uma empresa que é uma das maiores do setor.

A ação foi arquivada em um Tribunal de Delaware dos EUA e lista as patentes infringidas (5.666.046; 6.232.231; 6.317.333; 6.849.946 e 7.064.005), mas não há menção a danos ou solicitação. Como o Xperi ganhou vários desses processos ao longo dos anos, é provável que as coisas sejam resolvidas rapidamente.